Petrobras. Relacionamento com Investidores

Petrobras

Relações com Investidores

Reunião em La Paz do Presidente da Petrobras

Rio de Janeiro, 11 de maio de 2006 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA, BCBA: APBR/APBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica que os Ministros de Minas e Energia do Brasil, Silas Rondeau, de Hidrocarburos da Bolivia, Andres Soliz Rada, os Presidentes da Petrobras, José Sergio Gabrielli de Azevedo, e da YPFB, Jorge Alvarado, reuniram-se hoje em La Paz, no espírito da Declaração de Puerto Iguazu, para tratar de questões decorrentes do decreto DS 28701 de 01 de maio último.

O Ministro de Minas e Energia do Brasil e o Presidente da Petrobras reiteram seu absoluto respeito pelas decisões soberanas do governo e do povo bolivianos manifestadas no DS 28701 e expressam sua disposição de implementá-lo de acordo à normativa aplicável.

No âmbito das normativas complementares as partes concordaram em realizar reuniões em nível técnico, para tratar dos seguintes pontos:
• As condições para condução dos negócios durante a fase de transição;
• A definição de condições e contratos necessários para a produção do gás, e sua
comercialização; e o processo de refino, inclusive mecanismos e formas de compensação negociada;
• As condições para assinatura dos contratos de produção.
Acordaram também criar uma Comissão de Alto Nível, integrada por ambos os Ministros e pelos Presidentes da Petrobras e da YPFB. Ao mesmo tempo criou-se uma comissão técnica subdividida em três grupos de trabalho.

As partes concordaram ainda que a proposta de revisão de preços de gás seja tratada, de forma racional e equitativa, nos termos da Declaração de Puerto Iguazu, ao amparo dos mecanismos estabelecidos no contrato de compra e venda de gás natural (GSA).

Os métodos de trabalho estabelecidos na reunião refletem o interesse em aprofundar o diálogo bilateral.

Última atualização em 

Close