Petrobras. Relacionamento com Investidores

Petrobras

Relações com Investidores

Lançamento da Plataforma P-52

Rio de Janeiro, 14 de junho de 2007 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA, BCBA: APBR/APBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica que foi realizada hoje a cerimônia de lançamento da plataforma P-52, no estaleiro Brasfels, em Angra dos Reis (RJ).

Ao entrar em capacidade máxima de operação, a unidade do tipo semi-submersível poderá processar 180 mil barris de petróleo e comprimir 7,5 milhões de m3 de gás natural, havendo ainda um compressor de 1,8 milhões de m3 em “stand-by” para assegurar o fluxo contínuo de gás.

Integrante da Fase 2 do Módulo 1 do programa de desenvolvimento do Campo de Roncador, na Bacia de Campos, a P-52 ficará ancorada em profundidade de 1.800 metros e será interligada a 29 poços (18 produtores e 11 injetores de água). O escoamento da produção de petróleo e gás natural será feito por dutos submarinos.

Terminada a obra, a P-52 passará pela etapa de testes e ajustes e será levada para a Bacia de Campos para ancoragem e interligação de poços. O início das operações no Campo de Roncador está previsto para setembro deste ano.

O contrato principal de construção do casco da P-52 foi assinado em dezembro de 2003, as obras se iniciaram em Maio de 2004, e a plataforma chegou ao Brasil em março de 2006 para integração com todos os módulos a partir de julho de 2006, resultando num prazo de construção de 26 meses.

Última atualização em 

Close