Petrobras. Relacionamento com Investidores

Petrobras

Relações com Investidores

Gerente Executivo de Relacionamento com Investidores

Rio de Janeiro, 27 de agosto de 2007 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA, BCBA: APBR/APBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica que, a partir de hoje, o Sr. Theodore M Helms será o Gerente Executivo de Relacionamento com Investidores interino, em substituição ao Sr. Raul Adalberto de Campos, que desligou-se da Companhia, no último dia 24 de agosto, por razões pessoais.

O Sr. Helms tem uma carreira consolidada e diversificada em finanças e em relações com os investidores na América Latina. Ele se formou pelo Columbia College, na Cidade de Nova Iorque, em 1981, em Filosofia/Economia. Após se formar, trabalhou para o Manufacturers Hanover Trust Co. (hoje fundido com o JP Morgan), de 1981 a 1991, ocupando o cargo de diretor internacional do banco nas regiões do Caribe e dos Andes. Durante o período em que permaneceu no banco, ocupou importantes cargos no Peru e na Venezuela.

O Sr. Helms trabalhou no escritório de Nova Iorque da Petroleos de Venezuela S.A. (PDVSA) de 1991 a 1999, onde ajudou a empresa na contratação de dívidas corporativas e para financiamento de projetos, viabilizando a execução do significativo plano de expansão da empresa durante a década de 1990.

Foi contratado pela Petrobras em 1999 para exercer o cargo de Gerente Geral do escritório de Nova Iorque, onde esteve envolvido em uma ampla gama de atividades financeiras visando apoiar o crescimento da Companhia. Ele tem tido participação ativa nos esforços da Petrobras para acessar os mercados internacionais de capitais, trabalhando, inclusive, com as agências de classificação de risco, visando obter o grau de investimento para a Petrobras.

Com sua formação, experiência na empresa e com seu conhecimento da base de acionistas, o Sr. Helms dará continuidade aos esforços de seus predecessores para melhorar, de modo contínuo, a transparência da Petrobras e sua comunicação com os acionistas e investidores, e para iniciar novos projetos que melhorarão as relações com todos seus públicos de interesse, tanto individuais quanto institucionais, sejam no Brasil ou no exterior.

Última atualização em 

Close