Petrobras. Relacionamento com Investidores

Petrobras

Relações com Investidores

Declaração de Comercialidade no BM-S-7

Rio de Janeiro, 6 de abril de 2009 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA, BCBA: APBR/APBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica que o Consórcio formado pela Petrobras (63%-Operadora) e Repsol (37%) apresentou à Agência Nacional de Petróleo (ANP) a Declaração de Comercialidade de uma descoberta de óleo leve e gás em reservatórios acima da seção salífera no bloco BM-S-7, na Bacia de Santos. Esta descoberta havia sido comunicada ao término do poço 6-BRSA-661-SPS (6-SPS-53) em 26 de janeiro de 2009.


O novo campo, denominado Piracucá, está localizado no litoral do Estado de São Paulo a aproximadamente 200 km da cidade de Santos, em lâmina d’água de 200 metros . O volume da jazida, “in situ”, está estimado em 88,5 milhões de m³ (cerca de 550 milhões de barris de óleo equivalente).

A Declaração de Comercialidade foi feita em conformidade com o Contrato de Concessão do Bloco BM-S-7 e com o prazo definido no Plano de Avaliação submetido à ANP e é o resultado de intensa atividade exploratória realizada pelo Consórcio no bloco.

Com o novo campo será possível aumentar o potencial de produção de óleo leve e gás em águas rasas no Sul da Bacia de Santos. Trabalhos adicionais são necessários para a definição da melhor concepção de desenvolvimento da produção a ser implementada no campo.

Última atualização em 

Close