Petrobras. Relacionamento com Investidores

Petrobras

Relações com Investidores

Novo poço confirma potencial de petróleo leve em Tupi

Rio de Janeiro, 04 de junho de 2009 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA, BCBA: APBR/APBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica que a perfuração de mais um poço na área de Tupi reforça as estimativas do potencial de 5 a 8 bilhões de barris de óleo leve e gás natural recuperável nos reservatórios do pré-sal daquela área, em águas ultraprofundas da Bacia de Santos. O poço ainda encontra-se em perfuração, na busca de objetivos mais profundos.

A uma distância de 33 km a noroeste do poço pioneiro 1-RJS-628, o novo poço, denominado 4-BRSA-711-RJS (4-RJS-647), confirmou a presença de reservatórios de boa qualidade e a presença de óleo semelhante ao poço pioneiro de Tupi, o que reforça as estimativas iniciais para a área.

Informalmente conhecido como Iracema, este terceiro poço está localizado na área do Plano de Avaliação de Tupi, em lâmina d’água de 2.210 metros, e a cerca de 250 km da costa do Rio de Janeiro.

A descoberta foi comprovada através de amostragens de petróleo leve (cerca de 30º API) por teste a cabo, em reservatórios localizados em profundidade de cerca de 5.000 metros, e comunicada à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis - ANP nesta data.

Após a conclusão da perfuração, o Consórcio, formado pela Petrobras (65% - Operadora), BG Group (25%) e Galp (10%), para a exploração do bloco BM-S-11, onde fica a área de Tupi, dará continuidade às atividades e investimentos previstos no Plano de Avaliação aprovado pela ANP e que prevê a perfuração de outros poços na área.

Última atualização em 

Close