Comunicados e Fatos Relevantes

Confira a íntegra dos nossos Comunicados e Fatos Relevantes divulgados ao mercado.

Fato Relevante - Reservas Provadas da Petrobras em 2004

14/01/2005

PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS
Companhia Aberta

FATO RELEVANTE

Reservas Provadas da Petrobras em 2004

Rio de Janeiro, 14 de janeiro de 2005 – PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA], uma companhia brasileira de energia com atuação internacional, comunica suas reservas provadas de petróleo e gás natural no Brasil e no Exterior segundo os critérios da Society of Petroleum Engineers – SPE e da Securities and Exchange Commission – SEC em 2004.

Reservas Provadas da Petrobras em 2004 (Brasil e Internacional):

Em 31 de dezembro de 2004, as Reservas Provadas de óleo, condensado e gás natural atingiram 14,89 bilhões de barris de óleo equivalente (boe), segundo o critério SPE, assim distribuídos:

Reserva Provada – SPEVolume (bilhões de boe)
Brasil13,02
Internacional1,87
Total14,89
 

As Reservas Provadas, em 2004, apresentaram um acréscimo de 2,7% em relação ao ano anterior.

 

Segundo o

critério SPE

, durante o ano de 2004 foi apropriado 1,09 bilhão de boe às Reservas Provadas e produzido 0,70 bilhão de boe o que resultou em um acréscimo de 0,39 bilhão de boe em relação às reservas de 2003 (14,50 bilhões de boe). Assim, para cada barril de óleo equivalente produzido em 2004 foi apropriado 1,56 barril de óleo equivalente, resultando num Índice de Reposição de Reservas – IRR de 156%. A relação Reserva-Produção (R/P) ficou em 21,3 anos.

 

As Reservas Provadas segundo o critério da SEC, em 31 de dezembro de 2004, atingiram 11,82 bilhões de boe, assim distribuídos:

 
Reserva Provada – SECVolume (bilhões de boe)
Brasil10,57
Internacional1,25
Total11,82
 

As Reservas Provadas, em 2004, apresentaram um acréscimo de 1,8% em relação ao ano anterior.

 

Segundo o

critério SEC,

durante o ano de 2004 foi apropriado 0,92 bilhão de boe às Reservas Provadas, contra uma produção de 0,70 bilhão de boe, o que resultou num acréscimo de 0,22 bilhão de boe em relação às reservas de 2003 (11,60 bilhões de boe), correspondendo a um Índice de Reposição de Reservas – IRR de 131%, ou seja, para cada 1 barril de óleo equivalente produzido, apropriamos 1,31 barril. A relação Reserva- Produção (R/P) ficou em 16,9 anos.